Translator

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

terça-feira, fevereiro 21, 2017

MAXINE ISIS STOWE
























---------------------------------------------------------------------------------
Maxine Isis Stowe, viúva do cantor Lincoln 'Sugar' Minott estava se preparando para a tarefa desafiadora de conseguir colocar seus negócios em ordem. É uma situação que não é exclusiva das famílias de artistas de reggae.  "Ele morreu sem testamento (não deixou testamento), então há muito trabalho a ser feito para cuidar de seu catálogo e outros assuntos", Maxine Stowe, esposa de Minott de 14 anos, disse ao The Gleaner de Nova York..
Após ficar viúva de Minott,que faleceu em 2010,Isis se juntou ao legendário artista do reggae Neville Livingston aka Bunny Wailer..
Maxine Stowe é uma insider da música reggae e,junto com Bunny Wailer,uma porta-voz de campanhas pró-ganja,e outros assuntos ligados ao Rastafari..
Diz Isis: "Temos sido contatados por dois advogados da Inglaterra e um da América, estamos negociando com eles diretamente, a comunidade Rastafari tem que ter uma alta representação legal", disse ela.  A porta-voz disse que está atualmente entrevistando representantes de empresas de marketing internacionais que estão interessadas em ajudar a obter mais exposição para a campanha da ganja.
Sugar Minott é a última estrela do reggae a morrer sem deixar um testamento. Bob Marley, Peter Tosh e Dennis Brown morreram com suas propriedades no limbo.  Apesar de possuir um estúdio de gravação e controlar a maior parte de seu vasto catálogo musical, Stowe disse que Minott não estava indo bem financeiramente. Por isso, ela planejou estabelecer um fundo na Jamaica para ajudar com os custos do funeral de Minott..
Stowe diz que conheceu Minott em 1978 quando ele estava gravando o álbum ´Live Loving ´ para seu tio, o produtor Clement 'Coxsone' Dodd do lendário Studio One. Algumas das canções que Minott fez para Dodd, incluindo os hinos de dancehall Vanity e Mr DC , ajudaram a reviver o Studio One, que foi um dos principais atores da era rocksteady, uma década antes.  Segundo Stowe, Minott tinha dois álbuns programados para lançamento: um produzido por Dodd e outro pelo músico Sly Dunbar.  Stowe disse que Minott é sobrevivido por 13 crianças,e um,Alton,já era falecido..
----------------------
http://jamaica-gleaner.com/gleaner/20100713/life/life2.html
http://www.jamaicaobserver.com/entertainment/Wailer-soldiers-on_18924437

segunda-feira, fevereiro 20, 2017

MS. MINOTT-TRIBUTO
























----------------------------------------------------------
Sugar Minott com a mãe,Ms. Minott em Kingston,Jamaica ..
Em 27 de julho de 2016 , a mãe de Sugar Minott faleceu, condolências para toda a família Minott!.
RIP ,como você fez a transição para se juntar ao seu filho em Zion,que faleceu em 2010...
Depois de trabalhar como seletor no sistema de som Sound of Silence Keystone , e depois seu próprio sistema Gathering of Youth , Sugar Minott começou sua carreira de cantor como parte dos The African Brothers em 1969, juntamente com Tony Tuff e Derrick Howard.  O grupo lançou vários singles na primeira metade dos anos 1970 em rótulos como Micron e sua própria marca Ital, e foram um dos primeiros exemplos da influência do movimento Rastafari na cena musical jamaicana..
Ainda em maio de 2012, com a presença de Ms. Minott ,um concerto de caridade foi realizado em sua antiga casa comemorando seu aniversário, com os filhos de Minott (que incluem a filha Tamar, aka Pashon) unidos por Bounty Killer , Sizzla , Beenie Man , Junior Reid , Ken Boothe e o saudoso John Holt .  As receitas foram para o Youthman Promotions Music Center e outras causas ajudando os pobres locais. ...

sábado, fevereiro 18, 2017

KING TUBBY AND THE WATERHOUSE POSSE

















-----------------------------------------------------------------
Osbourne Ruddock (28 de janeiro de 1941 - 6 de fevereiro de 1989), mais conhecido como King Tubby , era um engenheiro eletrônico e de som jamaicano, conhecido principalmente por sua influência no desenvolvimento do dub nos anos 1960 e 1970..
Nos anos 80. Ele construiu um estúdio novo e maior no bairro Waterhouse de Kingston com maior capacidade e se concentrou no gerenciamento de seus rótulos Firehouse, Waterhouse, Kingston 11 e Taurus, que lançou suas produções de Anthony Red Rose , Sugar Minott , Conroy Smith, King Everald e outros..
A banda da casa de Tubby foi chamada Waterhouse Posse..
 Tubby ocasionalmente lançou álbuns e reuniu-se com Bunny Lee em 1983  para o álbum ´´King Tubby The Dubmaster ´´com Waterhouse Posse e Sly and Robbie
King Tubby foi baleado e morto em 6 de fevereiro de 1989, perto de sua casa em Duhaney Park, Kingston, ao retornar de uma sessão em seu estúdio Waterhouse..
-----------------------
https://en.wikipedia.org/wiki/King_Tubby
https://itunes.apple.com/us/artist/king-tubby/id2538787

sexta-feira, fevereiro 17, 2017

JUNJO AND THE VOLCANO POSSE

















---------------------------------------------------------------------------------------------
O Sistema de Som Volcano (Volcano Sound-System) foi a criação de um empresário de música de West Kingston chamado Junjo Lawes (nascido Henry Lawes). Seu caminho para a fama do sistema de som diferiu do habitual, pois começou a produzir discos no final dos anos setenta trabalhando ao lado do cantor e produtor Linval Thompson. De fato, ele poderia reivindicar um dos primeiros álbuns de dancehall lançados quando, em 1979, produziu, em parceria com Jah Life (Hyman Wright), o clássico álbum ´´Bounty Hunter´´ de Barrington Levy...
 Isso catapultou o jovem cantor para o estrelato e fez Henry ´Junjo´ Lawes um dos mais importantes produtores no início da era dancehall. Suas produções tornaram-se todas inovadoras, empregando a nova Roots Radics Band que se especializou em riddims mais lentos, mais pesados ​​todos mixados por Scientist ou Soljie no Channel One. Os hits começaram a fluir no início dos anos oitenta com muitos singles saindo no rótulo Volcano e suas impressões afiliadas Arrival e Jah Guidance. Com a ajuda do som de Junjo, artistas como Yellowman, Eek- A- Mouse, Toyan, Josey Wales e muitos outros, irromperam na cena do dancehall, gravando singles e álbuns que lhes renderam fama tanto local quanto em "estrangeiras".  Em 1981 e 1982 Lawes teve sucesso quase sem parar trabalhando com um amplo espectro de artistas de reggae. De grupos mais tradicionais e cantores como Wailing Souls, Johnny Osbourne e John Holt para artistas populares como Little John, Lui Lepki, Little Harry (com Claude Campbell) entre muitos outros. Em torno de 1982/83 Junjo começou a contemplar seu próximo passo no negócio, o sistema de som Volcano (Volcano Sound-System). Ele tinha uma oferta ilimitada de música com a qual ele poderia gravar as dubplate e ele começou a montar o equipamento necessário para competir contra o melhor de Kingston. O sistema de som tinha sua sede na Avenida Myrie em Kingston 11,e logo ele estava cercado com todos os talentos que ele precisava para levar o som para o topo. ..
Talvez um dos elementos-chave para ter um grande sistema de som  é recrutar o melhor seletor. Ao escolher Danny Dread (E. Ffrench) como seu principal homem, Junjo não poderia ter escolhido melhor. Sem dúvida Danny Dread foi, e ainda é, um dos melhores ´´soundman´´ de todos os tempos. Se você quer um conjunto para ter sucesso Danny Dread é o homem para te guiar com um som. Junjo também contratou Steve e Bello para cuidar do dia-a-dia do som. Durante o período curto que o Volcano floresceu (1983-85) Steve e o irmão de Junjo, Papa Mellon, também selecionaram as músicas para o som. Buro lembra-se da primeira noite que Volcano amarrou o som deles. Foi realizada na frente do Kingston Industrial Works em Spanish Town Road e o local estava tão lotado que ninguém podia se mover, e havia "tiro em toda parte, saudações, cercas começaram a bater". Buro fez bastante impacto naquela noite e Junjo contratou-o no dia seguinte dizendo "yuh haffi the sound deejay "  Na frente dos discos, Buro Banton (Donovan Spalding) era talvez o número um do microfone do Volcano, passando o sistema do som de Killamanjaro por volta de meados de 1983. Sempre de estilo cultural, o "Original Banton" podia montar ritmos durante toda a noite, juntando letras sem hesitação . Um outro deejay fino que aparecia frequentemente quando o Volcano tocava para fora era Josey Wales (B. Joseph Stirling). Ele estava gravando para Junjo neste momento, então era justo que  devesse emprestar suas habilidades consideráveis ​​para o conjunto do Volcano. Outro artista experiente foi Ranking Toyan (B. Byron Letts). Seu deejaying era inconfundível, entregando suas letras com um estilo quase asmático. Não importa a idade do intérprete, se eles eram bons o suficiente eles desempenharam um  bom papel. Por isso, os jovens deejays Little Harry (Claude Campbell), que havia aparecido alguns anos antes em Aces International, de Port Morant, com apenas 10 anos, e Billy Boyo (William Rowe) , regularmente balançaram as multidões. Outros membros regulares do Volcano foram Elfigo Barker (Glenroy McPharker), que aprendeu o comércio de Stanley Braveman no set de Prince Jammy na virada dos anos 1980. Shadowman (Junior B.) foi visto por Junjo atuando no conjunto de Little John ´´ Romantic´ e foi trazido a bordo desde o início. O deejay aprendiz de Buro era Matta Pang aka Prento, e seu treinamento continuou a tradição de jovens da instrução na arte de deejaying. Como a maioria dos sets, eles sempre tiveram convidados especiais como Yellowman, Eek-A-Mouse , Lui Lepki, Lee Van Cliff, Dillinger e outros passando por qualquer noite....
---------------------
photo by Beth Lesser...
http://www.whocorkthedance.com/volcano.html


quinta-feira, fevereiro 16, 2017

DUBE´S GHETTO

















-------------------------------------------
Todas essas histórias sobre Mandela me lembram minha experiência por lá, especialmente as da era do apartheid, onde com o meu amigo Gérard Bar-David, fomos capazes de ver de perto o horror absoluto que era este regime podre. Souvenirs como o do cantor Sipho Mabuse nos leva a Winnie Mandela, sua madrasta, tentando manter seus filhos, ou em Lucky Dube, o astro do país, completamente desconhecido dos brancos , eu fotografei a parte de fora de sua casa em Joanesburgo,África Do Sul irônicamente chamada  "Dube's Ghetto"...
 Para não falar de Jonathan Clegg,filho do ícone sul africano Johnny Clegg o meu post, muito mais importante nesta luta, não podemos imaginar .
Em 18 de outubro de 2007, Lucky Dube foi morto no subúrbio de Johannesburgo, Rosettenville, pouco depois de deixar  dois de seus sete filhos na casa de seu tio.  Dube estava dirigindo seu Chrysler 300C , que os assaltantes abandonaram depois. Os relatórios da polícia sugerem que ele foi morto a tiros por carjackers que não o reconheceram e acreditaram que ele era nigeriano.  Cinco homens foram presos em conexão com o assassinato; três foram julgados e declarados culpados em 31 de março de 2009. Dois dos homens tentaram escapar e foram pegos. Os homens foram sentenciados à prisão perpétua..
Mas na verdade Dube escolheu esse nome para a sua residência,´´Dube´s Ghetto´´ porque embora já tivesse ganho muito dinheiro com a música reggae,ele era um homem humilde, com uma abordagem realista e excelente gosto musical e gênio ,um artista com uma mensagem, com uma razão e uma rima atrás de tudo o que ele fazia e em contato com seu público...
Mas seu legado é imenso,e ele é sobrevivido por sua esposa, Zanele, e seus sete filhos...
---------------------
https://en.wikipedia.org/wiki/Lucky_Dube
http://www.sahistory.org.za/people/lucky-philip-dube

quarta-feira, fevereiro 15, 2017

JAH SLAVE




















-----------------------------------------------------------------------------
Aitzol Unzurrunzaga aka Jah Slave Traore,ou apenas Jah Slave é um compositor e produtor do reggae de Togo,na África .
Apelidado de Tiken Jah Fakoly togolês, ele é a personificação do artista com o seu estilo comprometido. ele denunciou os males que afligem o continente Africano e da experiência diária de sua comitiva em seu primeiro jogo com o melhor tempo título lançado 26 de Julho de 2010. Jah Slave  compila o disco ´´Traore 6 ,em que o primeiro nascido que o impulsiona para a glória do Rastafari e  do reggae.
 Sempre tentando fazer o seu melhor, nunca estudou a música ou qualquer coisa relacionada com a produção de música. Aprendendo tudo por sua auto determinação como muitas outras pessoas ao redor do mundo. Basta fazer música para diversão, esperança ,voce pode apreciá-lo. Deixe um comentário se  gosta do artista, críticas contrutivas também serão bem aceitas,obrigado...
Temas de Jah Slave Traore :Best Time,Nouveau,Freedom, Dissoli Damana Tovonoum,Love Story Fi,Save Africa,Freedom Africa...
----------------
https://soundcloud.com/jahslave
--------------------
DISCOGRAFIA
https://www.discogs.com/artist/1996624

Compilations

Jamrock Dub 07Various - Irun Lion Zion In Dub (Vol. 1) ‎(CD, Album, Comp, P/Mixed)TalkaTALKA 015CD2007
Real, Real, Real And Unreal DubVarious - Revolutionary Dub Vibrations (Chapter One) ‎Dub Vibrationsnone2009
Real Rock RiddimVarious - Blazin Melodicas In Dub ‎Dub Vibrationsnone2012

terça-feira, fevereiro 14, 2017

DADDY ANTS .
















--------------------------------------------------
Daddy Ants é um artista jamaicano veterano de Kingston,Jamaica..
Daddy Ants faz parte da equipe e sound-system da Youthman Promotion,do saudoso astro do reggae Sugar Minott,assim como Jah Stitch,Ranking Joe, Captain Sinbad, Ranking Dread,Colourman e vários outros..
Ele gravou apenas alguns singles no selo como ´´Got It Lum Sum/Version ‎(7")´´,Daddy Ants – Mi A Rasta (Mud Up/Workie Workie)..
Na foto de Beth Lesser,Daddy Ants fuma o chalice com amigos no pátio da  Youthman Promotion em Kingston,Jamaica..
-----------------------
https://www.discogs.com/Daddy-Ants-Got-It-Lum.../4634288
DISCOGRAFIA

Singles , EPs

Daddy Ants – Mi A Rasta (Mud Up/Workie Workie)

Got It Lum Sum ‎(7")Youth PromotionYP00111986

segunda-feira, fevereiro 13, 2017

AK SONGSTRESS
























---------------------------------------------------------------------
Uma emergente artista ,Dancehall Empress de Gana (Ghana) na África, AK Songstress salta sobre o  próprio Kaakie DC, o instrumental de ´´Turn Up´´ para chamá-lo para fora sobre este hit. Esta música se chama este  ´´Come Out´´, que é um acompanhamento de seu disco para o High Grade Family Act. Ele só tem pessoas reais, confira a peça para si mesmo...
Em 2016 AK Songstress gravou a sensacional música  ´´Reggae Music´´,produzida por Nature,ela cita os grandes heróis do reggae como os saudosos Bob Marley e Lucky Dube,e o artista da África do Sul, é um de seus maiores mentores..
 Artista muito talentosa e de tendências rápidas, AK Songstress entra em 2017 com seu primeiro single, com o título de ´´Odo´´ . A canção é uma música de reggae-amor que foi produzido por DM.
A  Paradise Entertainment apresenta o vídeo musical oficial de Odo interpretado por Ak Songstress. O vídeo foi filmado e dirigido por Esianyo Kumodzi..
Ela também gravou um single com o artista jamaicano Sizzla Kalonji chamado ´ Ghetto Cry´,em 2014..
Espero que você goste e desfrute de Ak Strongstress..
-----------------------

http://www.ghanamotion.com/tag/ak-songstress/
---------------------------------
DISCOGRAFIA
AK Songstress »Singles
Ghetto Cry-feat. Sizzla-2014
Holiday (Single 2015)
Rock Your Body-feat Pato Ranking-single 2015
Whine-(Single)2015
True Love (Single)2015
Bully Boy (Single)2015
  RudeGyal Bad Gyal (Single 2016)
Boopsie (Single 2016)
AK Songstress ft Guru - Ohemaa -2016 single
Naked Truth-Single 2016
Dopy Conqueror--2016 single
AK Songstress Happy Day feat Zeal (Single 2016)
Reggae Music (Single)2016
6Pack-(Single)2016
Henya -(Single)2016
No War -(Single)2016
Fire Cyaan Don-2017
Odo (Single)2017

domingo, fevereiro 12, 2017

KING COBRA
























------------------------------------------------------------------------------
King Cobra é a banda de Eddie Quansah que nasceu em Ghana,África,é um cantor multi- instrumentista que ficou muito conhecido entre os anos 1960 e 1970,e trabalhou com grandes estrelas da música como : Jimmy Cliff,Toots and The Maytals,Cat Stevens,Johnny Nash,Bob Marley,a famosa banda Osibisa,uma das primeiras africanas a sair de suas fronteiras para o mundo nos anos 1970,entre vários outros.Em 1976 lançou a famosa "Che Che Kulé" musica que foi um enorme sucesso em todo o mundo em ritmos afro-caribenhos.Criou duas bandas nos anos 1980,uma é "King Cobra",a outra é "Bush Telegraphy",como percussionista e grande artista que é, no LP de King Cobra  ´´Magic Rainbow´´,de 1983,de onde saiu esse reggae "The World",ele faz no álbum: vocal de ligação, trumpete,flugel horn,sintetizador,timbales,e ainda backing vocal,é um verdadeiro "BandMan",talento é só para quem tem...
-------------------------
texto por Marco Antonio Cardoso
-------------------------
https://www.discogs.com/artist/2314558-King-Cobra-4
DISCOGRAFIA

Albums

Magic Rainbow ‎(LP, Album)RCAMAL1 0021983

Singles & EPs

Magic Rainbow ‎(12", EP)RCAPG 409181983

sábado, fevereiro 11, 2017

MITCHIE AND FAGAN

























---------------------------------------------------------------
Mitchie Williams nasceu nas colinas de Spring Garden, Trelawny ,freqüentou o Mavisville Prep e Clan Carthy Primário e  Kingston College, onde começou a escrever canções e era conhecido como Junior Mitchie. Sua primeira música foi "90's Brukout" no Wild Geese Label seguido por "Computer" no Fresh Breed Label, "Love Me Like You Wanna" com Front Page e produzido pelo lendário Mickey Bennett, "Sometimes" para Bak Beat e " Marijuana "com Black Suade.
Mitchie também foi destaque na versão de Tasha T de" Intensified ", e escreveu "Agony and Pain" para Tiger em seu álbum "Come Back to Me". Ele reescreveu "Punny Fat" para Ebenezer Scrooge e deu á Buccanneer a idéia para a música “Neighbourhood”.  Crédito dos  arranjos foram dados  para Techniques nos álbuns ''Vigilante Squad'' e "Come Back to Me".  Mitchie também gravou para Penthouse e V1 Records. Igualmente apareceu no anúncio de dinheiro da JN, Ritchie Stevens ''Come To Me '' e com o lendário Toots Hibbert em um video remake de 54-46 . Mitchie  era também um seletor com os sistemas  de  som de Blackstone e Big T. Mitchie é atualmente uma parte da família de Rebel-In-Ting baseada em Wolverhampton na Inglaterra. Sendo um verdadeiro amante da música,  Mitchie trabalhou na Techniques Records com Winston Riley, com Carl na Randy's, e trabalha na Rocker's International, a casa de Augustus Pablo. Inspirado por acontecimentos diários, Peter Tosh, Prof Nuts e Shabba Ranks estão entre alguns dos seus favoritos, Mitchie é apresentado no  EP do Whagwaan (um grupo da Argentina) com uma canção intitulada ´´Money Is Not Power´´.
Ultimamente Mitchie se juntou á Jah Fagan para formar o duo de dancehall Mitchie And Fagan..
 O novo single é ´´Going To The Dancehall, com Mitchie And Fagan para o seu rótulo Oranje Streetz Musick , também incluído no seu rótulo estão canções com Addis Pablo, Prince Alla, Metal e Silvia da Itália ....
 -------------------------------------------
https://www.reverbnation.com/pg1one3mitchie

sexta-feira, fevereiro 10, 2017

TENNSHANN INVASION BAND

























------------------------------------------------------------------------
The Tennshann Invasion Band,de Montego Bay,Saint James parish, Jamaica, é uma família de música jovem ,vibrante e talentosa, que é conhecida pelo som de ska ou roots rock reggae, fundação da música com o objetivo de melhorar o mundo...
Temas de Tennshann Invasion Band ´´Good Morning Jamaica´´ (2017),´´Ringo´´ (versão dos Skatalites)..
Membros:
Mark Gooden - Manager
Brandon Daley - Baterista
Omeesh James- Baixista
Hashley Patterson - Guitarrista
Collin Farquharson - Tecladista
Aljarome Green - Tecladista
norman Boswell - Trumpetista
Yhenda Lewis - Saxofonista
Chico Sign -  Vocalista de ligação
-----------------------------------
DISCOGRAFIA
Single
Good Morning Jamaica (2017)

quinta-feira, fevereiro 09, 2017

AZIZZI ROMEO
























------------------------------------------------------------------------------
Azizzi Romeo, 17 anos de idade, é um discípulo de Roots ,Dub , Reggae, compositor magnífico e produtor crescente de Kingston, Jamaica.
 A lenda e o veterano do reggae jamaicano, Max Romeo tem uma família realmente criativa. No ano passado, em dezembro, sua filha Xana Romeo lançou seu álbum de estréia, e este ano quem planeja emitir seu primeiro álbum é o seu irmão Azizzi Romeo. Que você pode ter visto na Eslováquia ao vivo quando ele se apresentou com seus irmãos e como Rominal ao lado de seu pai no festival Uprising ,em 2012. Os meninos, desde então, cresceram com muita experiência ,e se aventuraram em seu próprio trabalho.O seu álbum de estréia ´´ Age Of Truth´´ teve a maior parte produzida no próprio estúdio da casa da família Romeo,Charmax Music na Jamaica. Estamos aqui para você, temos as 3 primeiras demos do álbum, que indicam que este artista será cem por cento vale a pena.
Atividade Ativa: 2008 - 2013 (Cantor principal do grupo Rominal) 2015 - Presente-Carreira solo.
Instrumentos: vocais, piano, percussão..
Temas de Azizzi Romeo:  Age Of Truth (The Truth Unfolds),2017,´´System Failure´´ (2016)´´Grow My Dread (2015)...
----------------------------------------------
DISCOGRAFIA
Álbum-Age Of Truth-2017              

TRUE PERSUADERS

































--------------------------------------------------------------
True Persuaders é um grupo vocal jamaicano de reggae composto por Courtney Edwards, Peter Seal e Sammy Melbourn. Peter e Courtney são de Harbour View e Sammy é original de Trench Town, Kingston, Jamaica. Eles produziram e lançaram seu primeiro single chamado "Natty Lead The Way" em sua própria gravadora "Writers Of Rastafari" em 1979. A música foi gravada no estúdio API (JIS), onde Courtney Edwards trabalhou por pouco tempo depois de deixar o Ensino Médio. Com a ajuda de Bunny Wailer, eles pressionaram e venderam algumas cópias deste disco. "Phone Line" foi gravado nos estúdios Music Mountain, Stony Hill, Kingston, Jamaica. O estúdio não estava totalmente pronto quando eles gravaram. Foi uma gravação precoce na época. Sly Dunbar (bateria) construiu a trilha do ritmo com Courtney Edwards (baixo). Courtney fez também o vocal principal ,enquanto back-up vocais foram feitos por Sammy Melbourn, Peter Seale e Jimmy Stanley.
Nos teclados você tem Ervin Allah 'Lloyd, a guitarra é  de Trevor Roper, e Mikey Riley foi o engenheiro...
--------------------------
https://soundsoftheuniverse.com/sjr/product/true-persuaders-phone-line
------------------------------
https://www.discogs.com/artist/1263738-True-Persuaders
DISCOGRAFIA

Albums

True Persuaders Meet David O.* and P-Tah* - Old Dub Box Volume 1 ‎(LP, Album)Duplexitynone2003
True Persuaders Meet David O.* and P-Tah* - Old Dub Box Volume 2 ‎(LP, Album)Duplexitynone2005

Singles , EPs

Natty Lead The Way ‎(7")Writers Of Rastafarinone1979
African Girl ‎(7")Writers Of Rastafarinone1981
Roots Man Skank ‎(7")Writers Of RastafariDSR 22901981
Cocaine (Mash Down Your Brain) ‎(7")Galaxy (6)none1983
Natty Lead The Way ‎(7")Forward RootsFR 0052006
Phone Line Gorgon Records2016
Highway Robbery ‎(7")Gorgon RecordsnoneUnknown
Love Doctor ‎(7")Galaxy (6)JS002Unknown

quarta-feira, fevereiro 08, 2017

NELSON MANDELA PARK EM KINGSTON



















-----------------------------------------------------------------------------------
Um parque em Half Way Tree, Kingston, Jamaica, foi nomeado por causa do lendário ex-presidente da África Do Sul, em dezembro de 2013. O parque foi apelidado de Nelson Mandela Park, pouco depois da morte de Madiba ....
Atualmente o Nelson Mandela Park recebe eventos como o Natal e também concertos de artistas do reggae..
Nos eventos,centenas de pessoas se abarrotam no pequeno parque que se derrama na estrada enquanto se empurram para ver os artistas no palco e se beneficiar de brindes no local..
Os concertos cada quarta-feira durante o mês do Reggae que comemora a música popular jamaicana  mais uma vez  são realizados em Mandela Park,Half Way Tree. Anteriormente, os shows gratuitos foram realizados no Emancipation Park, em New Kingston, e no Ranny Williams Center em Hope Road, St Andrew..
 O público que ele atrai, incluindo pessoas que passam pelo centro de transporte, também é um fator que influenciou a seleção do local, bem como o fato de que o parque é o nome de Nelson Mandela.  "No interior, é muito bonito, a acústica é boa", disse Douglas. "Depois do show de Capleton no ano passado, sabemos que pode lidar com uma boa multidão"..
-------------------------
http://jamaica-star.com/article/entertainment/20170201/reggae-month-wednesday-concerts-stay-man

terça-feira, fevereiro 07, 2017

ARTISTAS JAMAICANOS QUE MORAM NO BRASIL








































------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Principalmente as praias e cidades do nordeste do Brasil,pelas condições climáticas (quente o ano inteiro) e praias com águas cristalinas semelhantes ás jamaicanas acabaram atraindo muitos artistas jamaicanos,que vieram morar definitivamente ou temporariamente no país sul americano..
Artistas como Honey Boy ,Bill Campbell, George Dekker e Sidney ‘Luddy’ Crooks (Norris Cole) do Pioneers ;que inclusive casou com uma brasileira (Lady Conceição,artista de reggae),e tem filhos brasileiros,um dele Norris Cole Jr.,também artista de reggae, e moram em cidades como São Luis do Maranhão ou Salvador na Bahia,entre outros paraísos nordestinos..
Jimmy Cliff,lendário artista ,passou algum tempo no Brasil,e tem uma filha que mora em Salvador..
Alguns viajam constantemente para cá,como Cedric Myton,dos Congos,que comprou uma casa no litoral do Ceará,Andrew Tosh,Eric Donaldson,pessoal do The Gladiators,Culture,entre outros..
Algumas lendas jamaicanas que já partiram como Gregory Isaacs e Jackie Brown também sempre estavam por aqui
Eu ouvi mencionar esse lugar mítico em uma visita à Jamaica em 1998. Na GG Records, perto da Arena Nacional de Kingston, eu encontrei o cantor George Faith trabalhando em algumas baladas novas, expressando suas letras sobre ritmos vintage do início dos anos 1980, para lançamentos específicos voltados ao mercado maranhense. Na mesma viagem, no estúdio de Joe Gibbs, descobri uma conexão mais intensa no Maranhão: tanto Joe Gibbs como seu produtor interno, Sidney 'Luddy' Crooks dos Pioneers, haviam morado com mulheres do Maranhão e também estavam renovando  ritmos Vintage especificamente para liberar lá. Crooks mudou-se para São Luís em tempo integral pouco depois, e ainda vive na cidade hoje, junto com o cantor de reggae Honey Boy Martin,um jamaicano que fez seu nome na Inglaterra com melodias de covers suaves e baladas sentimentais. Vários outros peregrinos do reggae eu sei que também conheciam sobre o lugar. Mais notavelmente, um amigo da Califórnia, que faz discos sob o nome de Doctor Sapatoo, até tinha controlado um disc-jóquei em São Luís, mas descreveu a multidão como uma das mais difíceis que ele já havia tocado: As músicas conhecidas trouxeram muita adoração, mas outras faixas que são tipicamente reverenciadas pelo público reggae americano e europeu, deixaram os devotos do reggae do Maranhão totalmente frios. Parece que não é qualquer reggae vai fazer sucesso em São Luis do Maranhão. Tem que ser o tipo de reggae que faz sentido lá,que o pessoal de lá goste muito,mais um roots ou lovers rock dos anos 1970´s,ou então um roots revival...
 A Embaixada da Jamaica no Brasil tem incentivado os jamaicanos que vivem no país sul-americano a participarem do exercício de mapeamento da Diáspora do governo.  O Projeto Mapeamento da Diáspora da Jamaica, que envolve uma pesquisa on-line, tem como objetivo identificar os locais, as habilidades, os conhecimentos e os interesses dos membros da Diáspora jamaicana global.  A embaixadora da Jamaica no Brasil, Alison Stone Roofe, disse que os esforços estão sendo feitos pela embaixada para que os jamaicanos se inscrevam na nova base de dados, apesar do pequeno número de jamaicanos que vivem no Brasil.  "Nós estimamos que há menos de 200 jamaicanos no total, o que incluiria estudantes que estão em bolsas de estudo e jamaicanos casados ​​com brasileiros e jamaicanos que estão trabalhando lá em qualquer capacidade", disse ela..
-----------------------
http://www.jamaicaobserver.com/news/Jamaicans-in-Brazil-Encouraged-to-register-on-Diaspora-Mapping
http://daily.redbullmusicacademy.com/2012/10/sao-luis-reggae

segunda-feira, fevereiro 06, 2017

DÓLAR JAMAICANO

























------------------------------------------------------------------------------------------
O dólar jamaicano é a moeda oficial da Jamaica desde 1969. Usualmente é abreviado com "J$" ou "D$J$", para distingui-lo de outras moedas com denominação dólar. É subdividido em 100 Cêntimos.  A história monetária da Jamaica não pode ser considerada isoladamente em relação ao cenário das Índias Ocidentais Britânicas como um todo. A Jamaica era o único membro responsável pela emissão no sistema de Libras Esterlinas para toda Índias Ocidentais Britânica e por algum período, para Guiana Britânica. As primeiras moedas na Jamaica foram moedas espanholas de cobre, chamada "maravedíes", e prata. As moedas de prata de 8 Reais, conhecidas como "peças de 8" ou "dólar espanhol - $1", eram usadas como padrão no comércio internacional, tal como atualmente ocorre com o dólar americano. As moedas espanholas circularam durante os primeiros 400 anos desde a descoberta. no ano de 1821, O Reino Unido adotou um padrão baseado em ouro de bastante sucesso, através das Libras Esterlinas. Em 1825, o governo britânico introduziu o sistema de Libras Esterlinas em suas colônias Por ordem do conselho imperial, foi implantado um sistema de cunhagem e conversão de moedas coloniais seguindo a taxa de 8 Reais(1 Peça de 8) = 4s 4d (4 Xelins e 4 Pence esterlino). Estas taxas não refletiam a realidade entre as cotações entre a prata e o ouro, e por conta disto o efeito acabou o inverso, provocando a troca de moedas inglesas pela espanhola. Em 1838, uma legislação corretiva foi introduzida trocando a taxa de conversão para valores mais realistas ($1 = 4s 2d). No entanto, na Jamaica, Honduras Britânica, Bermudas, e mais tarde, Bahamas, optaram pela adoção do câmbio tradicional, onde 1 xelim britânico equivale a um quarto de dólar. O elo entre estes territórios foi o Banco de Nova Escócia, emissor comum para todos os territórios. Em 1839, um Ato parlamentar declarou que a partir de 31 de dezembro de 1840 apenas moedas britânicas seriam aceitas legalmente, desmonetizando as moedas espanholas, excetuando os dobrões de ouro que permaneceriam com valor de £3 4s. A abolição da escravidão em 1838 incrementou a necessidade de cunhagem de moedas na Jamaica, principalmente em moedas de pequeno valor, mas os escravos libertos ficaram relutante a aceitar as moedas de cobre. A solução para o impasse foi a adoção de moedas de cuproníquel, em 1869. Estas moedas foram emitidas para uso exclusivo na Jamaica, tornando-se as primeiras moedas genuinamente jamaicanas. Em 1904 foi autorizada a primeira emissão de cédulas, emitidas por bancos privados. Em  1940 o banco governamental iniciou as emissões de cédulas de  £1 e £5. Em Outubro de 1960 o Banco da Jamaica adquiriu o direito de exclusividade de emissão. Em 1968, o parlamento jamaicano aprovou a adoção do sistema decimal, substituindo a Libra Jamaicana pelo Dólar Jamaicano. Em 8 de Setembro de 1969 a nova moeda entrou em circulação e uma nacionalização completa das moedas em circulação (moedas de penny e half-penny eram as mesmas usadas no Reino Unido). O Reverso das moedas usadas entre 1969 e 1990 foram desenhadas dentro do padrão britânico, pelo designer Christopher Ironside. O Anverso possui um design próprio. A cotação inicial do dólar jamaicano era de J$0,77 para US$1, mas devido a adoção de câmbio flutuante, em 2015 a paridade era de J$115 para US$1. Moedas[editar | editar código-fonte] Na época de sua adoção foram introduzidas moedas de 1 cent (1,2 Pence), 5 cents (6 pence), 10 cents ( 1 shilling), 20 cents (2 shillings) e 25 cents (2 shillings 6 pence). Excetuando a moeda de 1 cent que era bem menor, as moedas tinham tamanho equivalente as das moedas que estavam substituindo. Em 1975, moedas de 1 cent, em alumínio, foram introduzidas. Moedas de 50 Cents foram introduzidas em 1976 em substituição as cédulas de mesmo valor. Com a progressiva desvalorização, as moedas inferiores a 1 dólar jamaicano tiveram metal e tamanho alterado.. A partir de 1990 moedas de 1 a 10 dólares começaram a ser introduzidas em substituição as cédulas. Em 2000 moedas bimetálicas de 20 dólares entraram em circulação com o mesmo propósito. Todas as moedas, revestidas de níquel ou de cobre, possuem propriedades magnéticas. As moedas jamaicanas possuem em seu anverso o brasão de armas da Jamaica, diferenciando seu reverso:
------------------------------------------------------------------
Valor- Diâmetro- Peso -Metal- Formato- Reverso
 1 Cent Ackee
10 Cents -17 mm- 2,4 g -aço revestido de Cobre- redonda- Excellent Paul Bogle
25 Cents -20 mm -3,6 g- aço revestido de Cobre -redonda -Excellent Marcus Garvey
$1- 18,5 mm- 2,9 g- aço revestido de níquel -heptagonal -Excellent Sir. Alexander Bustamante
$5- 21,5 mm- 4,3 g -aço revestido de níquel- redonda- Excellent Norman Manley
 $10-24,5 mm- 6 g -aço revestido de níquel -escalonada ou redonda -Excellent George William Gordon
$20 -23 mm- 7,1 g -Anel: Latão Centro: Cuproníquel redonda Excellent Marcus Garvey
-------------------------
As Cédulas atualmente em circulação são:
Valor         Anverso                                      Reverso
50 Dólares- Samuel Sharpe, herói nacional-Praia de Doctor Cave -  Baía de Montego
100 Dólares- Donald Sangster-Cataratas do Rio Dunn
500 Dólares- Nanny of the Maroons-Mapa antigo da Jamaica destacando Port Royal
1000 Dólares- Michael Norman Manley-Casa da Jamaica - sede do governo
5000 Dólares- Hugh Lawson Shearer, ex primeiro-ministro -Edifício da sede do banco da Jamaica em seu reverso..
--------------------------------------
O Banco da Jamaica introduziu um cédula de 5000 Dólares em setembro de 2009, sofrendo duras críticas devido tornar evidente a desvalorização da moeda. Em 15 de Novembro de 2010, o Banco da Jamaica introduziu cédulas comemorativas de 50 para celebrar 50º aniversário de sua fundação, com o edifício da sede do banco em seu reverso. Esta nota tem circulação normal junto a cédula padrão. A partir de 2012 foi introduzido uma nova família de cédulas comemorando o Jubileu de Ouro da independência do país, possuindo uma marca comemorativa na área da marca d'água ("Jamaica 50") e no reverso um grupo de crianças. Esta imagem já havia sido utilizada anteriormente nas cédulas de 2 dólares. As cédulas da Jamaica são impressas em papel a base de algodão, o que proporciona uma vida útil curta, principalmente devido ao clima tropical e as condições de circulação. Por conta disto novas tecnologias passaram a ser experimentadas. A cédula de 100 dólares foram impressas em um material chamado "Híbrido", que é uma combinação de poliéster e algodão. As Cédulas de 50, 100 e 1000 dólares continuaram com papel a base de algodão, mas com aplicação de um verniz, aumentando a sua proteção. A partir de 2014 novas denominações passaram a ser impressas em "Híbrido", ao invés de papel ..

-------------------------------
https://pt.wikipedia.org/wiki/D%C3%B3lar_jamaicano


Dólar Jamaicano
Jamaican Dollar
Dados
Código ISO 4217JMD
Usado Jamaica
Inflação10,2%
Bank of Jamaica Economic Data, 2009
Sub-Unidade
1/100 Cents
Símbolo$
PluralDólares jamaicano
MoedasFrequentemente usadas: 25c, $1, $5, $10, $20
Raramente usadas: 1c, 10c, 50c
NotasFrequentemente usadas: $50, $100, $500, $1000
Raramente usadas: $1, $2, $5, $10, $20, $5000
BancoBanco da Jamaica
http://www.boj.org.jm
FabricanteNão disponível